sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Leituras de 2014 - Balanço


O ano está acabando e, como fiz no ano passado, vamos ao balanço das minhas leituras de 2014! =)

Esse foi um ano de muitas trilogias, de terminar séries com livros ENORMES e de ler, basicamente, livros eróticos e de suspense. Na metade do ano, eu postei o que tinha lido até então. Agora, vou colocar a lista completa, na ordem em que os livros foram lidos. Ao lado, vou classificá-los entre ruim, regular, bom, ótimo, sensacional. Alguns já estão com resenhas publicadas e, nesse caso, vou colocar o link do lado.
Já vale como dica para as suas próximas leituras. ;)

E já adianto que estou com a estante cheia para 2015! Um monte de livros legais para aproveitar meu hobby preferido. Depois de passar um bom tempo ser ler por conta de ter um recém-nascido em casa, voltar a me acabar nos livros é muito bom!

Então, lá vai, na ordem em que foram lidos:


1 - O Dossiê Hórus - ótimo (resenha)
2 - Para Sempre Sua - ótimo
3 - Belo Desastre - sensacional (resenha)
4 - Desastre Iminente - sensacional (resenha)
5 - Coração Ferido - ótimo (resenha)
6 - Coração Apaixonado - sensacional (resenha)
7 - Coração Maligno - ótimo (resenha)
8 - Coração de Bilionário - bom (resenha)
9 - Como eu era antes de você - sensacional (resenha)
10 - Butterfly - ótimo
11 - Stars - ótimo
12 - O Pequeno Príncipe - sensacional (resenha)
13 - Lua de Mel - ótimo (resenha)
14 - Antes que eu vá - bom (resenha)
15 - Paixão sem Limites - regular
16 - Fantasias Gêmeas - ruim

17 - Desaparecido para Sempre - sensacional (resenha)
18 - Amante Desperto - ótimo
19 - Proibida - bom
20 - Não conte a Ninguém - sensacional (resenha)
21 - Obsessão - ótimo
22 - Delírio - bom
23 - Easy - sensacional (resenha)
34 - Esc@ndalo - ótimo (resenha)
25 - O Despertar da Meia-noite - ótimo
26 - Entre o Agora e o Nunca - sensacional (resenha)
27 - Cretino Irresistível - bom
28 -
Cretina Irresistível - regular
29 - Precisamos falar sobre o Kevin - sensacional (resenha)
30 - Estranho Irresistível - bom
31 - Paixão Irresistível - bom
32 - Estilhaça-me - ótimo (resenha)
33 - Destrua-me - ótimo (resenha)
34 - Liberta-me - ótimo (resenha)
35 - Fragmenta-me - regular (resenha)

36 - Um gosto de vida - regular (resenha)
37 - Tentação sem Limites - ótimo (resenha)
38 - Belo Casamento - sensacional
(resenha)
39 - Entre o Agora e o Sempre - sensacional (resenha)
40 - S.E.G.R.E.D.O Compartilhado - ótimo (resenha)
41 - Não conte para a Mamãe - sensacional (resenha)
42 - Desejo à meia-noite - ótimo
43 - Sedução ao Amanhecer - ótimo
44 - Tentação ao pôr-do-sol - ótimo
45 - A Ascensão da meia-noite - ótimo
46 - O véu da meia-noite - ótimo
47 - Cinzas da Meia-noite - ótimo
48 - As regras da Sedução - ótimo (resenha)
49 - De repente, o amor - sensacional
50 - De repente, é ele -
sensacional
51 - De repente, o destino -
sensacional

52 - De repente, o desejo -
sensacional

53 - Amante Revelado - sensacional (resenha)
54 - Amante Liberto - sensacional (resenha)
55 - Amante Consagrado - sensacional (resenha)
56 - Amante Vingado - sensacional (resenha)
57 - Amante Meu - sensacional (resenha)
58 - Amante Libertada - bom (resenha)
59 - Amante Renascido - ótimo (resenha)
60 - Amante Finalmente - sensacional
61 - O Rei - ótimo
62 - Fiquei com seu número - sensacional
63 - Manhã de Núpcias - ótimo

64 - A profecia Dark - sensacional
65 - As Revelações de Dark - sensacional
66 - Luxúria - ótimo

67 - No limiar do desejo - regular
68 - Tentação - regular

69 - A Boa Sorte - sensacional

E, aproveitando que este é meu último post do ano, desejo a todos uma ótima virada e um 2015 surpreendentemente positivo em todos os sentidos! E mais amor, por favor!!!! =)

Para encerrar, deixo uma perguntinha pra você:

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Amante Renascido - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros

 

Amante Renascido é o 10º livro da série Irmandade da Adaga Negra. Com 700 páginas, dá agonia no começo de ver que a história está meio sem graça e arrastada, porque ficava pensando: "será que serão as 700 páginas desse jeito?". Depois da páginas 150, o romance meio estranho entre Tohr, que ama Wellsie mas está meio atraído/apaixonado por No´One dá um up na história. Só lá pela página 400 que eu começo a me identificar mesmo com a história, exatamente quando o romance começa a engrenar. Tohr e No´One são personagens sofridos e fechados, o que dificulta, talvez, minha sintonia com eles.

Do meio para o fim comecei a ficar viciada, como aconteceu com quase todos os livros desta série. Adorei a sacada do que Tohr precisava fazer para libertar sua amada do limbo. Adorei també o personagem do anjo, super divertido e informal. Só não consegui montar uma imagem dele, talvez tenham faltado detalhes na descrição.


Adorei o final do livro! E o gostinho pro livro de Blay e Quinn me fez começar logo em seguida o Amante Finalmente.

No Brasil, a série é composta por:

Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Liberta-me - Tahereh Mafi - Ed. Novo Conceito




 Liberta-me é o segundo livro da trilogia, que começa com Estilhaça-me e conta também com um livro intermediário entre esses dois: Destrua-me, um e book oferecido gratuitamente. Nesse livro o triângulo amoroso entre Juliette, Adam e Warner pega fogo e as dúvidas da protagonista quase a enlouquecem. Com 444 páginas, conseguimos entender um pouco mais sobre Kenji, um personagem que toma bem mais força nesse livro, além de sermos apresentados a outros personagens importante da trama, todos com superpoderes como os de Juliette. Várias surpresas deixam a gente de cabelo em pé, como a descoberta de Adam sobre seu pai. Confesso que isso tinha passado pela minha cabeça, mas achei que estava viajando quando tive esse insight.

A série conta com:

1 - Estilhaça-me
1,5 - Destrua-me (e-book gratuito)
2 - Liberta-me
2,5 - Fragmenta-me (e-book gratuito)
3 - Incendeia-me

Sobre a Autora


Tahereh Mafi tem 25 anos. Nasceu em uma cidadezinha de Connecticut e hoje mora em Orange County, California - onde bebe muita cafeína e acha o tempo muito perfeito para seu gosto. Quando não encontra um livro, ela pode ser vista lendo papéis de bala, cupons e receitas antigas. "Estilhaça-me" é seu livro de estreia e o primeiro de uma trilogia.

Fonte: Skoob

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Destrua-me - Tahereh Mafi - Ed. Novo Conceito


Destrua-me é um e-book considerado o livro 1,5 da trilogia Estilhaça-me. Diferentemente do livro anterior, Estilhaça-me, essa obra não é narrada pela protagonista, Juliette, e sim por Warner, o vilão da história que disputa com Adam o amor de Juliette. Quando comecei a história, pensei que seria inconsistente se ela continuasse escrevendo sem pontuação e com repetições triplas de palavras como ela fez no primeiro livro, afinal, a primeira pessoa que narra Destrua-me é outra. E, para minha surpresa, a narração é realmente diferente. Ponto para Tahereh Maf, que ganha cada vez mais meu respeito e admiração.

No primeiro livro a gente aprende a odiar Warner. Só não odiei totalmente porque entendi que, para amar tanto Juliette, ele devia ter pelo menos alguma coisa boa dentro de si. Nesse livro, de menos de 100 páginas, conseguimos entender um pouco da visão do vilão, tudo o que ele já passou na vida e o quanto o amor de Juliette é importante para ele, exatamente como uma última esperança de salvação. Batido, né? Mas fofo, vai.

A cena do cachorro (só pros que já leram entenderem) é muito sensível e mostra que, no fundo, ele só queria poder viver normalmente. Mas até (e principalmente) as pequenas alegrias foram tiradas dele desde muito cedo.

Adorei Destrua-me e já comecei Liberte-me na sequência, que tem potencial para ser um livro cheio de romance e com um triângulo amoroso de tirar o fôlego dos adolescentes, público-alvo da trilogia.

A série conta com:

1 - Estilhaça-me
1,5 - Destrua-me (e book gratuito)
2 - Liberta-me
2,5 - Fragmenta-me (e book gratuito)
3 - Incendeia-me

Sobre a Autora

Tahereh Mafi tem 25 anos. Nasceu em uma cidadezinha de Connecticut e hoje mora em Orange County, California - onde bebe muita cafeína e acha o tempo muito perfeito para seu gosto. Quando não encontra um livro, ela pode ser vista lendo papéis de bala, cupons e receitas antigas. "Estilhaça-me" é seu livro de estreia e o primeiro de uma trilogia.

Fonte: Skoob

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Amante Libertada - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros




Amante Libertada é o 9º livro da série Irmandade da Adaga Negra. Esse livro, em particular, não foi tão empolgante quanto os demais para mim. Mas acredito que seja porque Payne não está na história desde o começo, então, a "intimidade" que fui pegando com os personagens ainda não estava formada com o casal desde volume: Payne, irmã gêmea de Vishous, e Manny, o cirurgião ex-chefe de Jane, que apareceu com destaque lááá em Amante Liberto, o 5º livro da série.

Apesar de não ter sido tão viciante quanto os anteriores, o livro está repleto de acontecimento inusitados e revelações bombásticas. O foco não ficou o tempo todo em Manny e Payne, mas também numa crise conjugal entre Vishous e Jane e na tensão sexual entre Quinn e Blay. Até os redutores começaram a perder um pouco o terreno neste livro, dando espaço para os vampiros do Antigo País, que vieram para tentar tirar o trono de
Wrath.

No Brasil, a série é composta por:

Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

As Regras da Sedução - Madeline Hunter - Ed. Arqueiro


Alexia Welbourne é a protagonista dessa história que começa com algumas semelhanças com o livro sobre Pop, da série Os Hathaways. A semelhança está na união de Alexia e Lorde Hayden, um homem rico e fechado, por dinheiro. Mas, depois, as tramas tornam-se completamente diferentes. Alexia é uma prima pobre que mora de favor com seus familiares quando descobre que sua família foi à falência depois de uma visita inesperada de Lorde Hayden. 

A partir daí, a trama envolve casamento sem amor, atração física, roubos, morte, guerra e, quando percebemos, já estamos completamente envolvidos com a história. O livro, primeiro da série Rothwell Brothers, tem uma reviravolta que me pegou de surpresa. E vocês sabem que eu adoro livros originais que fogem do trivial e consegue me surpreender. 

Confesso que nem imaginei o desfecho que Ben teve.Mas, quem é Ben? Ele é o primo de Alexia que mais parecia gostar da presença dela na casa de sua família. Quando ele foi para a guerra, eles já tinham trocados alguns beijos e prometido que eles ficariam juntos para sempre. Porém, ele caiu no mar na volta da guerra e a dúvida sobre acidente ou suicídio pairava no ar. 

O desfecho romântico do livro também fugiu daquele final batido de gravidez e, apesar de fofo, não foi piegas. Para mim, o mais envolvente do livro foi acompanhar o amor dos protagonistas nascendo, crescendo e sendo descoberto nas pequenas coisas, pouco a pouco. Livros sobre paixões avassaladoras são legais, mas esses que mostram o outro lado são igualmente fascinantes. Certamente continuarei com a série.

A série conta, até agora, com:

- As Regras da Sedução

- Lições do Desejo
- Jogos do Prazer
- Os pecados de Lord Easterbrook

Sobre a Autora

Madeline Hunter publicou o seu primeiro romance em 2000. Escreveu já vinte romances históricos e ganhou por duas vezes o prémio RITA, da Romance Writers of America, com Stealing Heaven em 2003 e Lessons of Desire em 2008. Quase todos os seus livros figuraram na lista dos mais vendidos do USA Today e é uma das autoras favoritas da publicação Romantic Times. As suas obras encontram-se traduzidas para doze línguas, tendo vendido seis milhões de exemplares. Para além de O Protector, no catálogo da ASA figuram já os seus romances As Regras da Sedução, Jogos de Sedução, Casamento de Conveniência e Os Pecados de Lord Easterbrook. Doutorada em História de Arte, dá aulas numa universidade.

Fonte: Skoob

quinta-feira, 16 de outubro de 2014

Amante Meu - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros



Que livro bom, gente!!! Os protagonistas dessa história são John Matthew e Xhex,  mas ele funciona meio diferente e há outro casal que divide o protagonismo com os dois: Blay e Quinn. Às vezes, as passagens entre os dois ficam até mais interessantes do que os acontecimentos envolvendo os protagonistas. Amante Meu é bem mais viciante do que o anterior, Amante Vingado, e voltei a não conseguir parar de ler até chegar na última página.

Fiquei bem aflita com a prisão de Xhex e sua fuga foi tão bem descrita que cheguei a fazer caretas enquanto lia. HAHAHAHAHA. Sério. E o casal Blay e Quinn tem tanto espaço nesse livro que fico pensando no que ela estará tramando para o livro específico para eles. Vai sobrar alguma coisa pra contar? E dá-lhe expectativa!


Resumindo, esse livro foi muito bom e tirou um pouco da imagem de fraco que eu tinha de John. Mesmo assim, continuo achando que Xhex é fortaleza pura e que ela vai dominar o relacionamento deles sempre.


E o final ainda contou com uma surpresa que me deixou de boca aberta. Nunca imaginei esse desfecho e achei genial a revelação! 


No Brasil, a série é composta por:

Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Amante Vingado - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros


Amante vingado é um dos livros mais grossos da série. Com 720 páginas, o volume conta a história de Rehv, um vampiro que não faz parte da Irmandade da Adaga Negra e que, além de ser metade sympatho, é traficante de drogas e dono do ZeroSun, a boate frequentada pelos Irmãos. Rehvenge acaba se apaixonando por Ehlena, uma enfermeira meiga que já foi da aristocracia e hoje cuida do pai doente.

A história dos dois é bem legal, principalmente por conta das interferências da princesa sympatho e pelas outras histórias que são fortemente abordadas nesse livro, ao meu ver o motivo pelo qual ele acabou ficando tão grosso. Merecem destaque as histórias entre Blay e Quinn (a que mais chamou a atenção, estou é louca para chegar logo no Amante Finalmente para saber o desfecho), John e Xhex e Whrat e Beth, Lash e os Redutores.

Apesar disso, fiquei meio travada na leitura em alguns momentos. Acho que daria para a autora ter sido um pouco mais objetiva desta vez. Ela ficou muito tempo focada em passagens que não trouxeram nenhum acréscimo à história. Eu, que fiquei completamente viciada por todos os livros da série, dessa vez levei nada menos do que 19 dias para acabar o livro. Não que o livro seja ruim, longe disso. Mas até agora foi o menos maravilhoso da série, na minha opinião. No final, cheguei até a me emocionar, bem escritas e envolventes as últimas 100 páginas.

No Brasil, a série é composta por:


Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Estilhaça-me - Tahereh Mafi - Ed. Novo Conceito



Estilhaça-me é o primeiro livro de uma trilogia super original. Voltada essencialmente para adolescentes, a obra mistura romance, aventura, sobrenatural e pitadas de drama. Juliette é uma adolescente de 17 anos que sempre foi considerada um aberração entre todos que a conheciam, incluindo seus próprios pais. Isso porque, sempre que ela tocava em alguém, "sugava" toda a energia da pessoa até a última gota, uma característica perigosa e letal. 

Ela sempre viveu triste e envergonhada por ser diferente e causar o mal, tendo uma personalidade tão submissa e doce. Depois de passar por manicômios e hospitais, foi trancafiada em uma prisão e nunca mais teve contato com nenhum ser humano. Até que Adam, seu ex colega de escola e seu primeiro amor platônico, entra na sua cela, supostamente preso por algum crime.

A história se passa no mundo do futuro, onde os pássaros não voam mais, a água é escassa, assim como os alimentos. Os países foram transformados em setores e o poder está nas mãos do Líder Supremo, um homem que deu um golpe militar mundial e agora controla tudo e todos.

Até o momento em que Adam entra na cela de Juliette o livro é meio difícil de digerir, por conta, principalmente, da maneira de escrever da autora. A falta de pontuação me lembrou vagamente Saramago (só vagamente). Que elogio, hein? Pronto, pode morrer feliz, Tahereh Mafi! E a narração feita em primeira pessoa com algumas palavras repetidas três vezes e algumas sentenças tachadas (não sabe o que é isso? É assim, ó) também fazem com que demoremos um tempo para acostumar com o estilo único. Mas, depois, flui que é uma beleza. Ponto para a autora, que não fez do seu estilo um impeditivo para o sucesso. 


Com enredo repleto de revelações e surpresas, Estilhaça-me acaba deixando aquela curiosidade do que vem depois. Assim que terminei, fui correndo baixar o e book de Destrua-me e já emendei a leitura. Outro ponto positivo da autora foi as leituras complementares, como Destrua-me, que é considerado o livro 1,5 da trilogia, oferecido gratuitamente em formato e book. Com menos de 100 páginas, é uma leitura rápida, porém rica, que apresar de não prejudicar o entendimento de quem passa direto para o livro 2, enriquece muito a percepção do vilão da história, Warner, já que o e book é narrado do ponto de vista dele.


A série conta com:

1 - Estilhaça-me
1,5 - Destrua-me (e book gratuito)
2 - Liberta-me
2,5 - Fragmenta-me (e book gratuito)
3 - Incendeia-me

Sobre a Autora

Tahereh Mafi tem 25 anos. Nasceu em uma cidadezinha de Connecticut e hoje mora em Orange County, California - onde bebe muita cafeína e acha o tempo muito perfeito para seu gosto. Quando não encontra um livro, ela pode ser vista lendo papéis de bala, cupons e receitas antigas. "Estilhaça-me" é seu livro de estreia e o primeiro de uma trilogia.

Fonte: Skoob

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Entre o Agora e o Sempre - J. A. Redmerski - Ed. Suma de Letras


Mais um livro que explora a gravidez acidental em pleno século XXI. Meodeos! Depois de ler Um gosto de vida e Paixão sem limites com essa mesma pegada em um curto espaço de tempo, nem acreditei quando li a sinopse de Entre Agora e o Sempre, achando que ia me decepcionar muito em relação ao primeiro livro, que eu A-M-E-I. Mas esse, pelo menos, tem um desfecho diferente. Beeeeem diferente.

Entre o Agora e o Sempre continua tão fofo quando foi o primeiro livro. Ele termina e a gente suspira, querendo que ele tivesse pelo menos mais umas 100 páginas. Eu, particularmente, preferi o Entre o Agora e o Nunca por achá-lo mais aventureiro, com mais cara de novidade, de descoberta e de surpresas, lotado de momentos frio-na-barriga. Mas Entre o Agora e o Sempre, definitivamente, não decepciona. 

Camryn começa o segundo livro gravidíssima e morrendo de medo de ter um filho e acabar com a pegada andarilha/cantora/viajante/aventureira da sua vida e do seu relacionamento com Andrew. Ao mesmo tempo, seu instinto materno grita e ela já ama loucamente o pedacinho de gente que vive dentro dela. Porém, uma grande tragédia acontece e Camryn se vê em meio a artifícios nada saudáveis para tentar fugir da dor da perda.

Andrew, por sua vez, recupera-se melhor do baque e, quando percebe o caminho que Camryn está tomando, decide levá-la para uma outra grande viagem, sem destino e sem data de retorno, em busca do recomeço tão necessário para os dois. Assim como o primeiro, a leitura flui facilmente, mas senti que o livro não teve grandes acontecimentos e não tem uma razão de ser forte como o primeiro. 

Fiquei com a sensação de que ela escreveu algo rapidinho, com um enredo bem mais ou menos, só para que o livro 1 tivesse uma continuação. O livro tem qualidade e é bem escrito. O final é legal e gostei de ficarmos sabendo o que acontece com eles anos e anos depois. O último capítulo ter sido narrado por Lily foi uma ótima sacada, mas o primeiro livro é muito melhor, sem dúvida.

Sobre a Autora

De acordo com a orelha do livro, J. A. Redmerski vive em North Little Rock, no estado de Arkansas, com os três filhos e um cãozinho maltês. Adora televisão e livros que desbravam fronteiras, e ama aquele seriado de zumbis (WTF???).



terça-feira, 23 de setembro de 2014

Amante Consagrado - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros


Amante Consagrado é o 6º livro da série e conta a história do celibato e viciado e fumaça vermelha Phury, o irmão gêmeo de Zsadist. Com cabelos compridos com várias tonalidades diferente, indo do preto ao vermelho, e olhos amarelos, Phury tem mania de ser sempre o mártir dos Irmãos, abrindo mão da sua vida em prol da felicidade dos outros. 

Quando percebeu que Vishous ia viver o inferno tendo que ser o Primaz com 40 companheiras e deixar de lado o amor da sua vida, a médica humana Jane, Phury ofereceu-se à Virgem Escriba e candidatou-se ao título de Primaz. Mas, sendo virgem por conta do celibato, já dá pra imaginar que seria bem tenso viver a vida de um garanhão com 40 esposas, tendo que fazer filhos em todas elas para garantir a continuidade da raça.

Ao mesmo tempo em que está cada vez mais viciado na fumaça vermelha, Phury percebe que talvez todas as certezas que tinha na vida não eram tão certas assim, a começar por seu amor por Bella, a mulher de seu gêmeo, que está grávida dele e corre risco de vida por conta de uma gestação complicada. 


As partes em que ele está imerso nas drogas e ouve o mago falar com ele não me viciou tanto, porém as passagens entre Phury e Cormia e também as descobertas que fazemos ao entender porque ele sempre pensa nos outros primeiro e o tanto de culpa que ele carrega me fizeram simplesmente não largar o livro!

Outro tema viciante nesse livro foi, por incrível que pareça, Ômega e sua linhagem. Não imaginei que ele se tornaria peça tão presente no livro, ficando quase tão interessante quanto os irmãos. Será que ainda vai haver um livro falando sobre ele? #ficadica


Nesse livro, os aprendizes que acabaram de passar pela transição: Blay, John e Quinn também ganham grande destaque e o espaço deles no livro faz todo sentido.

Esse volume foi especialmente bom e viciante. E, pasmem, chorei litros no final! Que venha Amante Vingado!
Mas, já aviso que a chance de decepção é grande, porque as expectativas estão lá em cima!


Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Amanhecer - Stephenie Meyer - Ed. Intrínseca


Logo no início do livro, Bella e Edward se casam. Para quem assistiu aos filmes antes, como eu, não foi nenhuma surpresa. A passagem do casamento, por conta do visual, foi melhor no filme do que no livro. Acho que deu pra sentir mais a emoção do momento na tela. Mas o que me fez vibrar mesmo foi a ida de Jacob ao casamento de Bella. Notem que sou bem mais fã de Jake do que de Edward. 

A primeira noite do casal e o lance dos hematomas foi uma boa sacada. E jeito como Bella seduziu Edward? Super bem pensado!

Nessa parte, obviamente, senti falta de mais detalhamento. A passagem podia ter durado o triplo de folhas. But, tendo em vista que a série é voltada para adolescentes, melhor assim do que aguçar os hormônios já nas alturas da molecada.

Esse livro é construído de maneira diferente dos anteriores. Ele é dividido em partes e cada uma delas é narrada do ponto de vista de um personagem. A parte 2 é narrada por Jacob, que começa a sentir ódio de Edward e planejar sua vingança, por achar que ele machucou gravemente Bella depois do casamento. Depois da gravidez de Bella, o livro ficou meio sem graça para mim. A história deu muito peso para os dias de sofrimento de uma mãe carregando um filho meio humano no ventre. No fim, depois de bocejar bastante, o encontro entre o grupo do bem e os Volturi deu uma nova movimentação à história, mas a sacada do filme foi infinitamente melhor.

Como balanço, digo que Twilight é uma série que deve ter realmente enlouquecido os adolescentes. A história é bem escrita e super amarrada. Para nós, seres mais crescidinhos, a leitura vale a pena, mas não é nada que vá tirar nosso sono para ler "só mais um capítulo, juro" até as 5h da manhã. Apesar disso, eu super recomendo. 


A série contêm os livros:Crepúsculo
Lua Nova

Eclipse
Amanhecer


Sobre a autora

Stephenie Meyer é uma escritora americana, conhecida pelos best-sellers da série Twilight (Crepúsculo).

Graças à repercussão da série Crepúsculo, Meyer foi classificada como 49º na lista da revista Time das "100 pessoas mais influentes em 2008". Em 2010, a Forbes classificou-a como a 59º celebridade mais poderosa, com salário anual de US$ 40 milhões.

A adaptação cinematográfica de Crepúsculo foi lançada nos Estados Unidos em 21 de novembro de 2008, e no Brasil em 19 de dezembro.Stephenie Meyer também é autora do romance de ficção científica The Host (tendo este estado também em primeiro lugar na lista de best-sellers do New York Times, já com edição em português).


Fonte: Wikipedia

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Amante Liberto - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros

 

 Esse é especialmente viciante! O quinto livro da série conta a história de Vichous, um guerreiro violento e solitário que nunca se apaixonou na vida. Ele usa as "fêmeas" como um dominante e só consegue se relacionar nesses termos. Para isso, possui um apartamento repleto de "brinquedinhos", como algemas, correntes, velas e afins. 

Quando leva um tiro no meio e chega praticamente morto em um hospital de humanos, a Dra. Jane Witcomb salva sua vida e fica passada ao perceber que seu coração tem seis câmaras. Isso e alguns outros indícios leva a médica a desconfiar que Vishous não é humano. Quando ele acorda, um sentimento de possessão toma conta dele em relação à médica, algo que ele nunca havia experimentado antes. Começa, então, uma das aventuras amorosas mais legais da série até agora.

Isso porque, além de ser humana, há um motivo muito mais sério para que Jane não possa ser par de Vishous: ele foi escolhido pela Virgem Escriba (ela começa a ter um papel bem mais forte nesse livro) para ser o Primaz do Outro Lado, fazendo filhos em 40 mulheres para aumentar a espécie e garantir que ela não seja extinta. E a gente já sabe, né? O que a Virgem Escriba fala é lei. Será? Oh Wait!

Jane é uma personagem fascinante, uma das mulheres mais admiráveis da série. Tinha que ser mesmo, para despertar o amor de um guerreiro extremamente inteligente e poderoso como Vishous. E as revelações sobre ele são bombásticas nesta obra! Eu, particularmente, fiquei de boca aberta. Mas confesso que o final me deu um pouco de melancolia. Gosto tanto de Phury que fiquei com dó de ele ser sempre o mártir. E aposto que o próximo volume será sobre ele. Bora começar!


Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

quarta-feira, 3 de setembro de 2014

Eclipse - Stephenie Meyer - Ed. Intrínseca




Eclipse é o terceiro (e penúltimo) livro da série Twilight. Nesse livro, um fato me irritou profundamente: o jeito autoritário de Edward em não deixar Bella visitar seu melhor amigo que fez tão bem para ela quando ele resolveu abandoná-la. Machista e sem noção, achei que a reação obediente de Bella não combinou com o espírito livre e corajoso da personagem. Ela devia tê-lo enfrentado, ter explicado seu ponto de vista e não ter anulado a sua vontade para satisfazer a dele. 

Mas, ela ganhou de volta um pouco do meu respeito quando foi até La Plush ver Jake enquanto Edward foi caçar. E o reencontro deles, diga-se de passagem, foi uma graça! 

Depois ela ganhou ainda mais meu respeito quando fugiu com Jacob. Mas, aí, veio a prisão domiciliar ridícula imposta por Edward e Alice. A personagem não é submissa e me decepcionou um pouco ela ter aceitado fácil a situação, sem nenhuma luta. Não sei se foi só comigo, mas acho que ficou meio inconsistente com o perfil de Bella que eu havia traçado em minha mente.

Mas, depois, com seu jeitinho, Bella consegue uma trégua entre Edward e Jacob para que ela não precise perder nenhum dos dois. Vai ser sortuda assim lá na pqp! A passagem que a tribo de Jacob conta as lendas entre lobos e vampiros foi bem criativa e deu sentido à rivalidade entre eles. Achei bem legal a explicação dada pela autora. Mas, as partes que me fizeram suspirar MESMO nesse livro foram (1) o beijo de Bella e Jake do lado de fora da barraca, (2) o momento em que ela afaga seus pêlos e o reconhece pelo olhar, enquanto ele está transformado em lobo e (3) a conversa entre Edward e Jacob durante a noite. Arrepiante!

O ponto alto do livro perante o filme é esse: o amor extremamente forte que Bella descobre sentir por Jacob também. No filme, essa intensidade não fica clara e Jake parece ser sempre sua última opção. No livro, a gente percebe que não é bem assim. Por isso que os livros SEMPRE me conquistam mais...


A série contêm os livros:
Crepúsculo
Lua Nova
Eclipse
Amanhecer


Sobre a autora

Stephenie Meyer é uma escritora americana, conhecida pelos best-sellers da série Twilight (Crepúsculo).

Graças à repercussão da série Crepúsculo, Meyer foi classificada como 49º na lista da revista Time das "100 pessoas mais influentes em 2008". Em 2010, a Forbes classificou-a como a 59º celebridade mais poderosa, com salário anual de US$ 40 milhões.

A adaptação cinematográfica de Crepúsculo foi lançada nos Estados Unidos em 21 de novembro de 2008, e no Brasil em 19 de dezembro.Stephenie Meyer também é autora do romance de ficção científica The Host (tendo este estado também em primeiro lugar na lista de best-sellers do New York Times, já com edição em português).


Fonte: Wikipedia


segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Amante Revelado - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros


Amante Revelado é o quarto livro da série Irmandade da Adaga Negra, série esta que me pegou de jeito e me deixou viciada em TODOS os livros até agora. Desta vez, o casal protagonista é Butch- o tira humano que foi aceito na Irmandade mesmo não sendo um guerreiro - e Marissa, uma virgem pertencente à aristocracia que vivia infeliz e mal vista por ter sido renegada por Wrath, o líder dos Irmãos, lá no livro 1.

O livro já começa com tudo e a quase morte de Butch deixa a gente sem ar. Depois que Ômega o encontra e coloca o mal dentro dele, fiquei meio perdida sem entender muito bem o que isso significaria para a história da Irmandade e para a vida do próprio Butch. Mas, aos poucos, as coisas vão ficando mais claras. Quando ele e Marissa resolvem conversar, depois de vários mal entendidos, a gente fica quase soltando fogos de "até que enfim, minha gente!". No hospital do irmão de Marissa, Havers, um acontecimento me deixou meio perdida também, mas dessa vez o envolvido foi Vichious, que certamente será o protagonista do próximo livro, já que ganha um espaço especial neste  volume. A autora sempre faz isso, dá um pouco mais de atenção ao personagem do próximo livro, para que a gente já vá se apegando e se acostumando com ele.

Diferente dos anteriores, esse volume prendeu minha atenção mais pela questão dos redutores com Butch do que pelo romance entre ele e Marissa. Depois que uma certa esperança de Butch não ser apenas um convidado entre os Irmãos (não posso falar mais senão é spoiler dos feios), não consegui mais parar de ler até o livro terminar. As partes críticas foram muito bem narradas e detalhadas. Adorei! 

Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Livro 12 - O Rei

Lerei todos (uhuuu já tenho todos!!) ou não me chamo Carla! :)

Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

O que achei da Bienal do Livro 2014

 
Meu saldo da bienal foram quatro títulos: VIP, Amante Renascido, Amante Finalmente e Encontrada.


É claaaaaaaro que eu não ia deixar de dar uma passadinha na Bienal, néam? Resolvi ir ontem, uma quinta-feira, para tentar encontrar um Anhembi um pouco menos lotadaço cheio do que tenho visto na cobertura da imprensa. Nos finais de semana, é praticamente intransitável e uma visita de 2h leva, no mínimo, o dobro, pensando no tempo que se perde para entrar no local, ir até lá, conseguir chegar até os estandes e tudo mais.

Por ser uma quinta-feira à tarde, fiquei surpresa com a quantidade de pessoas. E, principalmente, com a quantidade de adolescentes e de crianças. Isso foi uma surpresa extremamente positiva, porque canalizar a energia e o fogo adolescente para os livros é uma ótima pedida. Rezando desde já para o meu filho ir pelo mesmo caminho. Calma, Carla, o menino nem fez 3 anos ainda. Aloka.

Estava bem cheio, mas deu pra andar tranquilamente. Percebi, primeiro, que estou ficando velha. Sim, porque aquele gritos esganiçados e escândalos sem motivo das adolescentes no auge dos hormônios me irritou profundamente. Tenho paciência não, minha gente! Entendo que rola uma felicidade por estar ali com todos os seus livros preferidos, mas não precisa ter chilique e sair urrando insandecidamente. Vale pensar que, em um lugar com milhares de pessoas, se todas as adolescentes resolverem dar gritinhos, nossos tímpanos estouram facinho, facinho.

Mas adorei ver a galerinha de 12, 13, 14, 15 anos com sacolas e mais sacolas de livros. Só acho que alguns, principalmente os romances de fantasia eróticos estão sendo consumidos por jovens que realmente não têm idade nem maturidade para entender e separar o que está escrito da realidade. Acho BEM perigoso.

Sobre os livros em si, fui lá eu com uma listinha, achando que encontraria obras baratíssimas. Também fui com a esperança de achar algumas que estão esgotadas nas livrarias. Mas, nesse ponto, fiquei um pouco decepcionada. Nem todos os títulos que eu estava procurando estavam disponíveis nos estandes. Os esgotados não estavam na Bienal e os preços não estavam nada vantajosos. 


Vou dar um exemplo: o lançamento da série Irmandade da Adaga Negra, O Rei, que é o 12º livro da série, estava por R$40,00 no estande da editora Universo dos Livros. Não comprei porque achei caríssimo. Hoje fui pesquisar na internet e achei o mesmo livro por R$ 28,00 no Extra.com.br. Comprei na hora!

Algumas editoras estavam estimulando a quantidade, com desconto de 30% para mais de três livros adquiridos. Só que dava pra perceber claramente que o desconto estava com o valor embutido no preço do livro, porque eles estavam bem carinhos.

De qualquer maneira, foi uma experiência legal e estar num lugar enorme com taaaaaanto livro em volta, para alguém como eu, é quase como estar no paraíso. :)

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Lua Nova - Stephenie Meyer - Ed. Intrínseca



O segundo livro da série é aquele em que nosso coração fica apertadinho quando Edward abandona Bella. A dor que ela sentiu e a falta de vontade de viver foi bem explorada no livro, deixando um nó na garganta da gente. Depois de sofrer loucamente por meses, Bella e Jacob começam a se ver diariamente. Para ela, nasce uma amizade salvadora. Para ele, é a chance de ficar perto do seu amor, mesmo sabendo que o coração de Bella sofre por outro.

A parte em que os dois dividem a vida e riem juntos é tão leve e gostosa de ler que passei a torcer para que eles formem logo um casal, indo contra a maré de todos que acreditam que Bella e Edward foram feitos um para o outro.


Quando começa a pintar um clima, fico in-dig-na-da por Bella não ter dado nenhum beijinho em Jacob. Pelamor, fia, se toca! E,depois, quando Bella e Edward finalmente fazem as pazes, a autora resolve explorar bem o fato, deixando a passagem longa demais. 

Os diálogos são bem forçados e Edward fala coisas formais demais para quem está tão desesperado para que tudo fique bem.

Para mim, o ponto alto desse livro foi Jacob ter se tornado peça fundamental da história. Ele deu graça a essa parte da série. Vamos ver se seu papel continua tão importante em Eclipse.


A série contêm os livros:
Crepúsculo
Lua Nova
Eclipse
Amanhecer


Sobre a autora

Stephenie Meyer é uma escritora americana, conhecida pelos best-sellers da série Twilight (Crepúsculo).

Graças à repercussão da série Crepúsculo, Meyer foi classificada como 49º na lista da revista Time das "100 pessoas mais influentes em 2008". Em 2010, a Forbes classificou-a como a 59º celebridade mais poderosa, com salário anual de US$ 40 milhões.

A adaptação cinematográfica de Crepúsculo foi lançada nos Estados Unidos em 21 de novembro de 2008, e no Brasil em 19 de dezembro.Stephenie Meyer também é autora do romance de ficção científica The Host (tendo este estado também em primeiro lugar na lista de best-sellers do New York Times, já com edição em português).


Fonte: Wikipedia


terça-feira, 19 de agosto de 2014

Crepúsculo - Stephenie Meyer - Ed. Intrínseca




Confesso que sempre tive preconceitos com livros/filmes de fantasia. Eles nunca me atraíram e eu dormi em todas as cinco primeiras tentativas de ver Senhor dos Anéis. Até que eu acabei sendo fisgada, primeiro, pela série de TV Diários de Vampiro. Depois, comecei a ler alguns livros que misturam fantasia com erotismo. E, aí, resolvi assistir os filmes da saga Crepúsculo. Depois de ter assistido a todos, fui ler os livros. Confesso que prefiro fazer sempre o contrário: ler primeiro e depois assistir à adaptação.

Adorei os filmes, apesar de ter sentido uma pegada teen demais para o meu gosto. Quanto aos livros, vou publicar a resenha de todos eles. Por hora, vamos falar de Crepúsculo.

A comparação inevitável entre o filme e o livro não me fez gostar menos da obra. Adorei o livro!


O começo não prendeu muito a minha atenção, mas preciso registrar o quanto os personagens foram mal escolhidos para o filme. Com exceção de Alice, Emmet e Victoria, os outros são completamente diferentes dos atores. Edward, por exemplo, é alto, forte e lindo no livro. No filme, parece que é um doente em estado terminal, de tão pálido e frágil. 

Depois da parte das descrições do personagens, o livro começa a ficar melhor e me envolver. Da página 50 em diante, não conseguia mais parar de ler. Adoro quando os livros me prendem assim! =)

Imagino que, se eu não tivesse assistido aos filmes antes, teria ficado extremamente viciada na série. Assim que terminei Crepúsculo, iniciei a leitura de Lua Nova. A parte em que mais gostei da obra inicial da série foi a parte do flerte, em que eles vão se apaixonando sem nem terem trocado um beijo. Fofo demais (suspiros).

A série contêm os livros:
Crepúsculo
Lua Nova
Eclipse
Amanhecer


Sobre a autora

Stephenie Meyer é uma escritora americana, conhecida pelos best-sellers da série Twilight (Crepúsculo).

Graças à repercussão da série Crepúsculo, Meyer foi classificada como 49º na lista da revista Time das "100 pessoas mais influentes em 2008". Em 2010, a Forbes classificou-a como a 59º celebridade mais poderosa, com salário anual de US$ 40 milhões.

A adaptação cinematográfica de Crepúsculo foi lançada nos Estados Unidos em 21 de novembro de 2008, e no Brasil em 19 de dezembro.Stephenie Meyer também é autora do romance de ficção científica The Host (tendo este estado também em primeiro lugar na lista de best-sellers do New York Times, já com edição em português).


Fonte: Wikipedia

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Um gosto de Vida - Susan Mallery - Ed. Harlequin Brasil




Primeiro que a capa me deixou na dúvida do que era mais importante: o livro propriamente dito ou quem escreveu. Porque, né, o nome da autora está infinitamente maior que o título do livro. Babação de ovo pouca é bobagem.

Depois, o livro me parecia, pela capa e sinopse, ter muito mais relação com doces e comida em geral do que realmente tem. Achei que ia ser uma história repleta de analogias entre o relacionamento do casal principal e o ato de comer e de cozinhar, mas não tem nada a ver. Na verdade, a doceria que as irmãs Keyes tem é só o pano de fundo da trama e nem tem tanta importância na história. 


A história conta a vida de três irmãs, duas gêmeas e uma mais nova, todas elas tentando acertar suas vidas repletas de traumas e problemas. As gêmeas são Nicole e Claire, que não se falam há anos. Nicole continua na sua cidade natal, tocando a confeitaria da família, enquanto Claire, desde pequena, viaja o mundo como concertista famosa de piano. Jesse, a irmã mais nova, vê na doença de Nicole uma oportunidade de reaproximação das gêmeas e liga para Claire pedindo ajuda para cuidar das coisas enquanto a irmã de recupera. 

A partir daí, a trama começa e vamos descobrindo porque elas não se falam e qual o mistério que envolve essa ligação inesperada de Jesse para Claire. A história tem potencial, apesar de alguns fatos absurdo e irreais demais para o século XXI, principalmente em relação à Claire. Mas, o que irrita mesmo no livro são as explicações óbvias que a autora dá, subestimando o leitor o tempo inteiro e mastigando tanto os fatos que parece que ela acha que quem está lendo o livro dela não tem capacidade de raciocinar. Me irrita profundamente, porque sinto que estou praticamente lendo um livro infantil.

Não achei o livro de todo ruim, mas o balanço que eu faço é mais negativo do que positivo: achei a história bem monótona e a autora acaba deixando a leitura truncada com suas explicações excessivas, como a insistente menção ao fracasso da família de Wyatt com as mulheres.

Fora isso, tem clichê pra dar e vender no livro, com um final extremamente previsível e que já está me deixando sem paciência para livros desse estilo. O mundo estaria superlotado se toda história de amor terminasse em gravidez inesperada. Não sei se estou dando azar, mas atualmente estou lendo um monte de livros com esse final, Paixão sem limites foi um deles. Vamos inovar, pessoal!!
A parte mais legal da trama é o mistério envolvendo Jesse e o ex marido de Nicole e espero que o fato seja desvendado totalmente e explorado no próximo livro.

Esse livro faz parte de uma trilogia e é seguido por: Um gosto de Amor e Um gosto de Esperança.

Sobre a Autora

Susan Mallery é autora de mais de 35 bestsellers. Susan é muito conhecida por combinar o humor com as emoções e criar personagens maravilhosos. É casada e vive com o marido na ensolarada Califórnia do Sul, onde o tempo é sempre perfeito e as excentricidades de um escritor quase são consideradas normais. Tem dois gatos lindos e o enteado mais maravilhoso do mundo.

Fonte: Skoob

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Amante Desperto - J. R. Ward - Ed. Universo dos Livros

 

Amante Desperto é o terceiro livro da série Irmandade da Adaga Negra e conta a história do casal Bella e Zsadist, um ex-escravo de sangue que foi brutalmente abusado durante anos e, hoje, não consegue nem ser tocado, quanto mais ter qualquer relação de carinho/amor com outra pessoa. Ele é o membro mais letal da Irmandade e possui uma cicatriz imensa, que vai da testa até o canto do seu lábio, repuxando-o e dando um ar ainda mais cruel ao seu aspecto.

Zsadist tem um irmão gêmeo, que é sua versão sem cicatriz, com mais músculos e bem mais gentil que seu irmão. Foi Phury que o salvou da escravidão e, desde então, tentam viver da melhor forma que conseguem, mesmo com tantas manchas em seus passados, com tantos traumas e, agora, dividindo o amor pela mesma mulher.


Bella, uma vampira pertencente à aristocracia, encanta-se por Z. assim que o vê e vai passar poucas e boas para fazê-lo entender que ele tem o direito e a capacidade de amar.

O livro é bem legal, principalmente em relação ao conflito interno de Zsadist. Em paralelo, a história do seu passado vai sendo revelada e John, o menino mudo e futuro guerreiro que já apareceu no livro anterior tem mais espaço nesta obra, assim como Butch e Marissa, o casal protagonista do próximo volume: Amante Revelado.

O meu já está aqui na estante, prontinho pra ser devorado. E você, já se rendeu à série? Tá esperando o que?



Os livros da Série

Os livros que compõem a série, por enquanto, são:

Livro 1 - Amante Sombrio
Livro 2 - Amante Eterno
Livro 3 - Amante Desperto
Livro 4 - Amante Revelado
Livro 5 - Amante Liberto
Livro 6 - Amante Consagrado
Livro 7 - Amante Vingado
Livro 8 - Amante Meu
Livro 9 - Amante Libertada

Livro 10 - Amante Renascido
Livro 11 - Amante Finalmente

Lerei todos ou não me chamo Carla! :)


Sobre a Autora

J. R. Ward vive no Sul dos Estados Unidos com o seu marido e o seu golden retriever. Depois de se ter formado em Direito, começou a sua vida profissional na área da saúde, em Boston, tendo passado muitos anos como chefe de equipe de um dos centros clínicos do país. A escrita foi sempre a sua paixão, e a sua ideia de céu é um dia inteiro com mais nada além do seu computador, o seu cão e a caneca de café.

sexta-feira, 8 de agosto de 2014

S.E.G.R.E.D.O Compartilhado - L. Marie Adeline - Ed. Globo Livros


Assim como o primeiro livro, S.E.G.R.E.D.O Compartilhado é muito, muito bom! Eu sou suspeita, porque adorei o primeiro livro e segui fã depois de terminar o segundo. Gostei desse livro porque ele divide o protagonismo entre Dauphine, a nova integrante do grupo, e a boa e velha Cassie, a protagonista do livro 1 que acabou de coração partido depois de receber uma notícia que vira seu mundo de cabeça para baixo.

Neste livro, a história de Cassie ganha um novo personagem: Jesse, um dos homens que satisfizeram suas fantasias no primeiro livro e por quem ela sentiu uma forte atração e pensou até em largar os passos para ir atrás dele. Agora, ela e Jesse tentam se entender para que ela, enfim, consiga deixar sua história com Will para trás. Mas, até o fim do livro, muita água rola e é surpresa atrás de surpresa. O clima do livro é bom, a leitura flui facilmente e os acontecimentos vão sendo narrados na hora certa. 

E o final da história, claro, deixa muito pano pra manga para o próximo. Não vejo a hora de ler! Nem sei dizer de qual livro gostei mais, porque os dois me conquistaram. Que assim seja também com o terceiro, amém! #oremos


Sobre a Autora


L. Marie Adeline é o pseudônimo de uma autora canadense, chamada Lisa Gabriele, produtora de TV.