quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

É por essas e outras que eu AMO a internet

Lembram que escrevi uma resenha sobre o livro Meu Caro H? Aquele que eu li na adolescência sobre um portador do vírus HIV?

Pois bem, essa resenha me rendeu boas surpresas! A primeira foi um comentário escrito pelo próprio autor do livro. Para lê-lo, deixa de preguiça e vá até o post. Tá bom, tá bom, vou transcrevê-lo:

Samir Thomaz disse...

Carla, obrigado pelo seu comentário. Deu pra sentir que você leu o livro de uma maneira bastante intensa, o que só me deixa orgulhoso e gratificado em razão da qualidade da análise que você fez. Eu gostaria de lhe agradecer enviando-lhe um exemplar do meu livro lançado em outubro, "Te espero o tempo que for", um romance autobiográfico que trata de uma situação específica pelo fato de eu ser soro.

Não queria escrever mais sobre esse assunto, mas uma vez que se carrega o vírus nas veias e se expõe do modo como eu me expus, tem de saber que poderá sofrer preconceito e ter sua liberdade restrita. Foi o que aconteceu comigo e por isso eu voltei ao assunto.


Gostaria que, se for do seu interesse, claro, me enviasse o seu endereço para o meu e-mail (samirthomas@gmail.com), para que eu possa retribuir a sua generosidade em palavras.
Um abraço.
Samir

Não é demais? Quando isso tudo seria possível sem a internet? Não é só porque ela é meu ganha pão não, sou fã de carteirinha MESMO! E nem imagino mais minha vida sem ela! Esse é o lado bom dos tempos modernos!

Mais que rapidamente respondi o e-mail do Samir e fomos nos falando sobre o envio do livro. Nesse mei
o tempo, recebi um e-mail de uma leitora fofíssima, a Lu Vieira, do Máquina de Letras, dizendo que ela tinha AMADO a resenha sobre o livro e, mais ainda, o comentário de Samir. Ela manifestou um super interesse em ler uma entrevista com o autor, e sugeriu que eu propusesse isso a ele.

Lá fui eu enviar um outro e-mail com o pedido da entrevista. Quem tem boca vai a Roma, néaammm? Samir foi um fofo e topou! Uhu!! :)


Então, aguardem! Assim que eu acabar de ler Te espero o tempo que for, farei a entrevista com o autor da obra, Samir Thomaz, e publicarei tudo aqui para vocês conferirem!

Para finalizar, preciso dividir com vocês a super novidade que foi o motivo do post: os livros chegaram!!!!


Isso mesmo, Samir enviou o Te espero o tempo que for, com uma dedicatória L-I-N-D-A e ainda o Carpe Diem, sua primeira obra.

Abaixo, deixo vocês com as fotos dos livros e das dedicatórias super carinhosas do Samir. Porque não basta ser escritor, é preciso ter alma de poeta. ;)

Os livros

Dedicatória - Carpe Diem

Dedicatória - Te espero o tempo que for

Para ver as fotos em tamanho maior, é só clicar.

E aí, concordam comigo? A internet não merece todo o meu amor?

26 comentários:

  1. Carla és uma mulher de bastante sorte.
    E Samir um homem de sentimentos muito nobres. E honrou a palavra e além do livro ainda te deu miminhos.
    Se o mundo fosse mais assim seria tão fácil viver.
    Fico à espera e com bastante curiosidade da entrevista.
    Uma super beijoca da L*

    ResponderExcluir
  2. Carla, amei! Concordo sim, a internet merece todo o seu amor. E o meu também, hehe. É muito bom compartilhar as suas alegrias conosco. E você merece! Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Uia Carla, que xic!!! Parabéns :):)

    E lê logo para nos contar, rs.

    ResponderExcluir
  4. A internet tem destas SURPRESAS BOAS!!!

    Julgo que esse autor não é conhecido aqui em Portugal.

    Beijos Enormes!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. É, a net aproxima as pessoas de uma maneira que em outros tempos seria impossível. E essa parte de ter um feedback dos autores que gostamos é mesmo deliciosa.
    Que bom que ele te encontrou!

    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá Carlinha, bom diaaa...

    Você está muito chique, hehe!!! Nossa é tão bom esse contato que a internet nos proporciona e sabendo usar esse recurso só conseguimos conhecimento, cultura... Que legal, vc deve estar super contente, é tão bom isso tudo, além de nos aproximarmos mais das pessoas e conhece-las melhor ainda somos muito valorizados pela atenção e carinho!!

    Aguardo a entrevista, hehe...

    Boas leituras...bjao!

    ResponderExcluir
  7. Carla,
    Parabéns!
    Seria bom se:
    1º: houvessem mais resenhas sobre livros nacionais
    2º: os autores fossem assim, gentis e acessíveis.
    3º: as editoras realmente percebessem a força dos blogs literários.
    Sim, porque eu quando vejo uma resenha elogiando a obra quero logo ler.
    Beijos, querida.

    ResponderExcluir
  8. Carla, adorei saber dessa sua história.
    A internet estreita laços mesmo!
    Escrevi uma crônica sobre o Mario Prata e mandei pra ele por e-mail. Ele respondeu dizendo que achou bacana e disse que se eu fosse pra Floripa, que era para eu ir lá na casa dele para a gente bater um papo!!!
    Isso não é o máximo?
    Beijos,
    PS: vou aguardar ansiosa a resenha do livro e a entrevista :)

    ResponderExcluir
  9. Com Certeza né, Carlinha?

    Vc é uma mulher de sorte mesmo!!!
    A internet é mto boa qdo usada adequadamente.
    E devo a ela e a querida amiga Geórgia, os livros q ganhei ano passado!!!
    Eu ainda vou ler os livros...

    Vc sabe o q é o quinua? Se não sabe dá um pulinho no Vidas Linhas q vc vai conhecer a minha nova coluna de Domingo; Domingo Saúde!!!
    Passa lá!

    bjão

    ResponderExcluir
  10. Uau, isso é demais! Vale a pena cada minutinho usado pra escrever resenhas e opiniões, não é?

    Eu faço veterinária sim, sou absolutamente louca por animais! É bom saber quando as outras pessoas também gostam!

    Beijo! :*
    Ps.: mudei o título do blog pra ficar mais de acordo com o assunto! ;)

    ResponderExcluir
  11. "Porque não basta ser escritor, é preciso ter alma de poeta. ;)"

    Concordo MUITO com isso!

    E sim, a internet merece O NOSSO amor, hehe.
    Também ganhei um livro autografado de um autor que eu admiro muito, sabe?
    Fiquei muito feliz, ainda mais por ele ter lido o meu blog e dito que eu escrevia bem e tudo o mais.
    Ele é um cavalheiro, realmente.

    Parabéns pelo livro!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  12. Oi Carla!
    Vc merece todo este carinho!
    Seu espaço é ótimo, bem escrito e acolhedor!
    Sou sua fã:)
    Bj
    Alê

    ResponderExcluir
  13. Amiga, arrasou!! A internet é incrível mesmo, já não consigo imaginar minha vida sem!! Bjão

    ResponderExcluir
  14. Oi, Carlinha!
    Desculpa a ausência. Ando enrolada. rsrs
    Estava com saudades daqui.
    Como você sabe, eu também trabalho com Internet, mas também sou fã. Acho maravilhoso essa troca e, principalmente, essa aproximação.
    E isso que aconteceu com você, foi fantástico. Mais uma prova do sucesso que é seu blog. Parabéns! =)
    E parabéns ao Samir que soube ser gentil como poucos hoje...
    Beijos,
    Mari
    www.rosas.nadiapag.com

    ResponderExcluir
  15. Carla,
    fico gratificado por estar participando desse auê todo no seu blog. Ao ler seu comentário sobre o meu livro, em dezembro, eu logo percebi seu espírito generoso. E não poderia deixar de retribuir. Como diz o Caetano numa canção, "gente é pra brilhar, não pra morrer de fome". Em sendo assim, façamos brilhar nossas estrelas.
    Suas amigas comentaristas têm razão: seu blog é acolhedor. Eu me senti à vontade desde o primeiro instante. Acho que isso inlfuenciou na minha atitude de querer lhe enviar o livro.
    Fico feliz que esteja curtindo o recebimento dos livros. Você merece.
    O "Te espero..." é eminentemente a história de um amor proibido. Não preciso dizer que a história se passa comigo, né (você logo vai perceber isso durante a leitura). Ele seria lançado no dia 30 de julho, mas a própria editora, depois de cosultar alguns advogados, cancelou o evento com medo de uma ação do Ministério Público. Imagine, leia o livro e diga se era pra tanto. De todo modo, essa censura que o livro sofreu acabou ajudando na divulgação do próprio livro. Censura tem esse lado bom: promove a obra.
    Bom, mas estou adiantando as coisas. Leia o livro e depois faça seus comentários (que sei que serão tão preciosos quanto os que fez sobre o Meu caro H). E aguardo as perguntas.
    Um beijo.
    Samir

    ResponderExcluir
  16. Carla, só para desfazer um mal entendido que acho que ficou no meu comentário: o livro foi lançado no dia 21 de outubro, na Livraria da Vila, e foi um evento muito bacana.
    Obrigado por, ao mesmo tempo que estamos trocando essa figurinha gostosa, você estar divulgando meu livro.
    S.

    ResponderExcluir
  17. Oi, Carla.

    Parabéns! Está chiquérrima! rs.

    É maravilhoso quando divulgamos algo e recebemos o agradecimento e carinho em troca por reconhecimento, ainda mais do próprio autor, que se mostrou um gentleman de pessoa. Isso é muito gratificante!

    Fiquei muito feliz por você!

    Ficarei aguardando seus novos posts a respeito dos livros. rs.

    Devemos apoiar mais os nossos escritores brasileiros, que são tão pouco valorizados.

    Por um lado, eu acho a internet fantástica, porque nos proporciona auto-conhecimento e cultura, que nos engrandece cada vez mais em sabedoria. O que é ótimo, porque além de estarmos divulgando mais os livros de escritores brasileiros, também contamos com a chance e a sorte (como você teve) de nos aproximarmos e conhecermos mais a pessoa e ainda quando recebemos toda a atenção e carinho, estamos sendo valorizadas por toda essa gentileza!

    Concordo muito com a frase que você citou no post. Essa semana tive o privilégio da visita em meu blog de um autor que está lutando muito p/ que seu livro seja publicado.

    Fiquei muito feliz, ainda mais por ele ter lido o meu blog e me teceu mil elogios.

    Seu espaço é excelente e acolhedor!

    Estou me tornando sua fã.

    Sempre que posso, dou uma passadinha por aqui.

    Carla.

    ResponderExcluir
  18. Uau! Que legal!!!
    Quando eu era criança o mundo mágico era o de Beto Carrero... hoje certamente é este mundo.
    Nunca canso de maravilhar-me com isto!
    bjos

    ResponderExcluir
  19. Não é demais? Quando isso tudo seria possível sem a internet? Não é só porque ela é meu ganha pão não, sou fã de carteirinha MESMO! E nem imagino mais minha vida sem ela! Esse é o lado bom dos tempos modernos!

    Carla, concordo totalmente com você nessa afirmação. Eu também não me imagino vivendo sem a internet - também porque provavelmente ficaria desempregada, claro, mas principalmente porque eu amo tudo isso. E acho que é melhor ainda poder conhecer os dois lados, o lado do "ganha-pão", o como se faz da internet e também o lado divertido, conhecer pessoas, se envolver, sorrir.

    Muito legal mesmo o Samir ter comentado e te mandado um livro. Aguardo a resenha e a entrevista.

    Bjos

    ResponderExcluir
  20. Eu também sou grande admiradora da internet, ela nos proporciona coisas que de outra forma seria um bocadão dificil de se conseguir! Aguardo a resenha dos livros e a entrevista!
    Xerus
    =***

    ResponderExcluir
  21. Olá Carla, tens um selinho no meu blog para ti.
    Bjinhos e Bom Fim-de-semana:)

    ResponderExcluir
  22. Amei tudo isso, eu sempre digo que a internet aproxima as pessoas, que lindo amiga, que coração lindo seu amigo tem. Bjjjjjjs

    ResponderExcluir
  23. Que maraaaaa!!!!
    Ah que tudo Carla!!
    Ótima leitura :D

    ResponderExcluir
  24. Oi Carlinha, que lindo!
    Esse é realmente o lado bom da internet, ela facilitou os acessos e hoje a gente pode até conversar com nossos ídolos e pessoas que admiramos. Muito bacana o gesto do Samir, e imagino o que deve ter significado pra você. É realmente gratificante ver nossos esforços e gentilezas recompensados, no caso, tanto seu quanto dele. Parabéns e que seu blog e comentários continuem semeando bons comentários e gerando novos amigos. Beijos!

    ResponderExcluir
  25. Nossa, que tudo!

    è verdade que a internet tem seu lado ruim, mas o lado bom dela é TÃO BOM! :)

    Bjs!

    ResponderExcluir
  26. Carla super legal!!! A era da internet realmente está possibilitando coisas maravilhosas.. Parabéns =o*

    ResponderExcluir